Empreendedorismo Criativo

O embarque na nave foi autorizado! Então, bora decolar?

Se você acompanha o Facebook e o Instagram do blog,, deve ter me ouvido falando sobre o Curso Introdutório Gratuito do Decola! LAB e espero que tenha aproveitado essa maravilha :) Eu mesma assisti novamente todas as aulas e adorei. Se você não viu, corre que ainda dá tempo!

O Curso Introdutório é na verdade uma amostra grátis de tudo o que vem pela frente. Sabe aquela história do “de onde saiu esse tem muito mais”? É bem isso!

Hoje eu tô aqui pra te contar que as inscrições para a única turma do Decola! LAB 2016 estão abertas! Já está mais que permitido embarcar na nave \o/
fazer o que amaHá exatos 2 anos atrás, eu embarcava na primeira aventura no Decola! LAB e esse era um momento decisivo pra mim, tinha saído de um emprego com carteira assinada para investir no sonho de levar a Toda Coisinha em frente. O sentimento do qual me lembro com clareza dessa época era aquele de “ou vai ou racha”.

Por mais que eu achasse que estava no caminho certo, comecei a perceber que faltavam algumas pecinhas de um quebra cabeça. Tinha muita coisa que não estava como eu gostaria, a rotina tinha ficado cansativa e a recompensa por um trabalho duro não vinha.

Dentre tantas coisas, eu pensava que tinha que trabalhar com uma coisa só, que não teria como unir todas as minhas paixões num só negócio, que eu precisava seguir fórmulas prontas, que ter uma rotina equilibrada e retorno financeiro trabalhando de casa estava longe do meu alcance. Eu já havia tentado de tudo um pouco, mas ainda não havia tentado criar A MINHA FÓRMULA. E foi a partir daí que me apaixonei pelo Decola! LAB <3 Por isso recomendo de olhos fechados! Se você tem uma paixão e quer transformar em um negócio com o seu jeitinho ou se já tem um negócio e quer melhorar eu tenho certeza que o Decola! pode ser para você SIM!

Novamente sou parceira do programa (o que significa MAIS bônus! Yay!) e tô aqui pra segurar sua mão, te ajudar a decidir se o Decola! é mesmo para você e para te oferecer uma assistência pra lá de especial, alguns extras (além de todos os bônus oferecidos pela Rafa).

o medo

Fazendo sua inscrição por esse link aqui: http://bit.ly/entaoboradecolar, a minha turminha vai DeColar (literalmente e eu te explico como):

❤ Você terá acesso em primeiríssima mão ao meu e-book “Comunicação com verdade e com afeto para pequenos negócios”. Pois é, uma das mudanças dos últimos tempos é que me aceitei e me redescobri como comunicadora. Tenho me proposto a estudar e aprimorar o conhecimento e quero dividir isso com você.

❤ Os membros da turma que se inscreverem pelo link, ganharão um Colar Personalizado da Toda Coisinha, com a carinha do seu negócio! Esses colarzinhos são como pequenos amuletos da sorte e vão te acompanhar nessa jornada de autoconhecimento e realização, contando sua história e o carinho que tem por algo especial :) Por isso eu digo, vai todo mundo DeCOLAR ! (eu sei! faço trocadilhos terríveis!)
Olha só algumas lindezas que já fiz para pessoas apaixonadas pelos seus talentos e negócios!

Colar que fiz para a Rafa, nossa querida comandante da Espaçonave e o colar que fiz pra Ju Amora, a moça das banquetas lindas <3

Colar que fiz para a Rafa, nossa querida comandante da Espaçonave e o colar que fiz pra Ju Amora, a moça das banquetas lindas <3

❤ Além disso, minha assistência por e-mail e mensagens durante todo o curso será constante. Surgindo dúvidas, insights ou qualquer coisinha que quiser falar comigo, estarei à disposição!

Captura de Tela 2016-04-15 às 10.26.11

  • Mas ó, vê se não perde pois as inscrições são por tempo limitadíssimo e vão só até o dia 28 de abril!
  • Se a grana estiver curta (e eu sei que isso é mais que normal), tem o programa de bolsas que rola todo ano! Para tentar sua vaga 0800, você precisa fazer um vídeo curto contando o por que você deve embarcar. Serão selecionados e todas as informações e o regulamento você confere aqui.
  • Os 100 primeiros que embarcarem na nave, em julho poderão participar de um encontro presencial na nova sede da Espaçonave, em Sampa, junto da Rafa Cappai! <3
  • E a última coisinha: veja esse webnário que fiz com a Rafa sobre as 10 dicas para se organizar rumo ao seu trabalho dos sonhos.
Caso ainda tenha ficado alguma dúvida, me escreva! Ou entre em contato com a Equipe da Espaçonave que está sempre a postos para ajudar!
*É digno lembrar que ganho uma comissão por cada indicação, mas se estou indicando é porque de fato acredito que o Decola! LAB pode sim ser transformador para você que acredita que dá para ser criativo e empreendedor, sim senhor!

A Fantástica Fábrica de Doces maravilhosos em forma de cogumelos

Não é novidade pra ninguém o quanto adoro cogumelos. Já tentei de muitas formas explicar até para mim mesma essa fixação pelo reino fungi, mas essas é daquelas coisas que não dá… então me resta admirar e compartilhar essas lindezas.

sweet amanitas
Dia desses enquanto passeava pela internet encontrei a loja Andie’s Specialty Sweets enquanto procurava por cogumelos para me inspirar. Vi aqueles cogumelinhos lindos e confesso que fiquei chocada quando descobri que eram feitos de açúcar! Alguns modelos ainda recheados de chocolate, nozes, todo tipo de gostosura.

shitake recheados de chocolate

Além de fazer um trabalho de confeitaria incrível, um grande diferencial da Andie’s Specialty Sweets, comandada pelo casal norte americano Andie e Jason, é a preocupação com a qualidade dos ingredientes e com a transparência sobre a procedência de cada ingrediente que vai nas receitas. Como eles mesmo dizem, “To Give Treats Unto Others As We Would Want Treats Given Unto Us.” (Dar doces às pessoas como gostaríamos que eles fossem dados a nós). Esse, sem dúvidas, é um dos principais ingredientes da receita do sucesso da marca.

cogumelos1 processo

cogumelos A marca promete ser fiel aos valores e honesta com os clientes, por isso opta por ingredientes orgânicos, livres de exploração de mão de obra, produzindo guloseimas livres de transgênicos e aditivos químicos, além de só comprar de fornecedores certificados com o Fair Trade (traduzindo, Comércio Justo, um certificado que garante que os produtores e trabalhadores recebem valores justos pelo trabalho).

cogumelo recheadoEu já tinha um motivo para me apaixonar pela marca (cogumelos <3) e agora eu tenho um monte!

estrela embalagemAh! E além dos cogumelos, tem outras coisinhas lindas e doces. O preço em dolar não é convidativo, mas com toda certeza é justo por um trabalho tão primoroso e com tanta dedicação.

P.s.: não sei se conseguiria comer esses cogumelos de tão lindos!

Seja bem vindo Todo Encanto que deixa a vida mais leve <3

Estórias de coisas bonitas, lendas que vivem no nosso imaginário e aquelas coisinhas todas que mantêm vivo o encanto dentro de nós. Poemas de Manoel de Barros, brisa no rosto, canto de passarinho, por do sol, pé na lama, barulho de rio, cheirinho de flor, gosto de infância, borboletas no estômago, lendas misteriosas, a beleza das árvores, seres encantados, paixões despropositadas e claro, cogumelos. Muitos e sempre.

Toda CoisinhaEsses foram alguns dos ingredientes usados para criar a coleção Todo Encanto, a nova coleção da Toda Coisinha (para quem ainda não conhece, a minha lojinha virtual, meu pequeno negócio criativo que enche meus dias de encanto). Como contei antes, a cada 6 meses proponho me reinventar, reinventar meu trabalho e entro em um estado de imersão criativa por pelo menos 3 meses. São pesquisas sem fim, planejamento, muitos murais de inspiração, leituras, conversas com os amigos e produção, muita produção. Depois vêm as fotos, todo o trabalho braçal de colocar os produtos na lojinha, divulgar,  escrever, escrever e escrever. E aí são caixinhas e mais caixinhas, estampadas com corações e carregadas de carinho viajando pelo Brasil (e pelo mundo) todo!

Toda Coisinha Toda CoisinhaÉ um processo que me encanta e possibilita colocar pra fora muitas das coisas que não têm nome, que não consigo traduzir em palavras, mas em pequenas delicadezas. É auto conhecimento, é amor, é diversão, trabalho e aprendizado, dia após dia. Me esforço para criar um trabalho original, com referências que dialogam direto com o que a gente tem de melhor e em comum.

Toda Coisinha Toda CoisinhaTodo encanto traz muitas novidades: novos formatos de brincos e colares, novos artigos de decoração, fotos diferentonas clicadas pelo querido Athos Souza (e tem fotos minhas também, com as composições fofas que dão um toque ainda mais coisinha  a loja), eu como modelo, a produção da Aninha e da Isabela, a ajuda criativa da Bárbara, um amadurecimento pessoal e profissional que pra mim ficou nítido. Traz também todo meu amor e gratidão.

Toda Coisinha

Quadro Unicósmico

Vem conferir!

Atualização:

Minha cunhada Bárbara, além de me dar uma assistência criativa, ainda faz ilustrações lindas <3 Ela me mandou essa imagem e disse o seguinte: “Quando te perguntarem como você faz essas coisinhas viajandonas, responda que é um unicórnio de outro mundo” a.k.a. Unicórnia Viajandona que mora dentro de mim. <3

unicornia viajandona

Como fazer: mala encantada da Toda Coisinha

No final do ano passado participei de algumas feiras com a Toda Coisinha e queria que meu stand tivesse algo diferente. Nas feiras aqui do Rio de Janeiro é comum os stands terem uma super estrutura, toda de madeira, com iluminação, piso e tudo mais. Só que para isso, os custos são altos se somados aos valores que cobram pela participação nas feiras daqui. Não dava para investir alto sem saber qual seria o retorno que eu teria.

Stand na Babilionia feira hypeComo eram minhas primeiras feiras em terras cariocas, optei por buscar soluções de baixo custo. Comprei tapete de grama sintética, montei minhas próprias luzinhas gambiarra para iluminar o stand e chamar a atenção, comprei expositores de metal que estavam em conta e uma mala antiga para usar como expositor dos acessórios. Isso, somado aos acessórios e balangandãs que levei daqui de casa, foi suficiente para deixar o stand com a cara da Toda Coisinha <3

IMG_7208

A mala fez o maior sucesso! E particularmente, ficou linda! É um dos meus xodozinhos e continuará me acompanhando por um bom tempo. E como sei que muita gente procura soluções para expor seus produtos de forma criativa, resolvi compartilhar por aqui como foi o processo de customizar a mala. Logo adianto que não tenho muitas fotos do processo, pois foi difícil fazer e ir fotografando, mas prometo explicar direitinho como foi que fiz e se tiver qualquer dúvida, pode perguntar!

Precisei de:

  • Mala para customizar
  • Tesoura afiada para cortar tecido e a espuma
  • Um pedaço de uns 80cm de um tecido de algodão fofo
  • 1,5m de cetim
  • Régua e fita métrica
  • Cola para tecido
  • Cola quente
  • Tubos de espuma tipo espaguetti (achei o branco no Saara)
  • Manta acrílica ou enchimento de almofada
  • Um suporte tipo suporte para toalhas (tem que ser na medida da mala e por sorte eu já tinha o que usei aqui)
  • Porcas para os parafusos do suporte

1 – O primeiro passo foi limpar a mala e deixar ela aberta por um tempo. Também passei um pano umedecido com vinagre pra tirar o cheio de guardado. Também arranquei um bolso que havia na parte interior da tampa para ficar bem lisinha, já que ali iria um forro de cetim. Ah! Comprei a mala pelo Mercado Livre!

primeira parte mala customizada2 – O primeiro tecido que a gente usa para dar o toque especial é o de algodão, na emenda das duas partes da mala (circulado em rosa). Meça o tamanho e corte o tecido com sobras de 2cm de cada lado. Você vai dobrar essas sobras para fazer a baínha  passando cola no avesso das sobras e dobrando para trás, para que não fique nenhum fiapo ou recorte torto aparente. Passe a unha ou uma régua por cima para o acabamento ficar mais bem feitinho e eu garanto que é mais fácil do que parece deixar tudo retinho.

cola na lateral

Cola na mala e tecido por cima

tecido dobradinho com cola

vê só a baínha que dei nele com cola

3 –  Depois você vai repetir o mesmo processo na parte interna da mala, nas laterais de cima e debaixo. Medi a altura das laterais tanto inferior, quanto superior e também o comprimento interno. Fiz os recortes no tecido com uns 8cm a mais para cima e uns 3cm para os lados, para dobrar as pontas e também para o acabamento ficar legal por baixo.

acabamento final

Acabamento no encontro dos tecidos nas laterais – baínha feita com cola

mala aberta forrada

Ali em cima onde ficam as alças de pano da mala, fiz um recorte no tecido e escondi por baixo delas.Pode cortar o tecido sem dó, depois é só fazer o acabamento bonitinho com cola mesmo.

tubo de espuma4 –  Forrei a mala com a manta acrílica para que os tubos de espuma não ficassem muito baixos. Cortei os tubos (que têm uns 2 m) com tesoura mesmo, nas medidas da mala. Precisei de 2 tubos para preencher essa mala que tem 80x45cm) e não tem problema se precisar emendar um no outro, é só passar cola quente, Nesse passo, tem um segredinho, que é quando colocar os tubos na mala, passar cola quente somente na parte debaixo. não pode passar em cima! E assim fui encaixando um por um.

tubos na mala

5 –  Agora lascou-se, pois chegou a parte em que não tenho fotos. Mas é simples, vamos lá. Para forrar a parte com a espuma com o cetim, você usará a medida da mala acrescentando 30cm na largura e o dobro da medida para o comprimento, que vai encaixar entre os tubos de espuma.

Colei o cetim com cola quente (a cola branca mancha ele muito) na parte debaixo e com a ajuda de uma régua fui encaixando entre os tubos de espuma. Para esse encaixe não precisa de cola. Depois, com a régua mesmo, vá encaixando o cetim nas laterais (as que ficaram sem cola, lembra?). Se sobrar algum tecido na altura, é só enrolar e acomodar atrás do último tubo.

todacoisinha1

Os tubos forrados com cetim já com as coisinhas em cima. Foto: Magê Monteiro

A parte da tampa da mala forrei também com cetim, mas fiz uma dupla camada, como se fosse uma capa de almofada sem enchimento. Isso para que as marcas da cola não aparecessem. Desenhei 2 vezes a forma da tampa no cetim nas medidas certas, deixando 2cm de sobra nas laterais na hora de cortar. Passei a cola nessas sobras do lado brilhante (lado brilhante com lado brilhante) e deixei um buraquinho de 10 cm para poder virar o tecido depois de secar a cola.

A cola secou, virei o tecido sem problemas e finalizei fechando o buraquinho com mais cola. Depois colei essa capa de cetim na parte da tampa. Para finalizar, usei mini grelôs (esses pompons em tira) para esconder o acabamento. Sim, foi por isso mesmo que usei e colei eles também.

O suporte tipo para toalhas que serviu para pendurar os colares foi encaixado furando a tampa que é de couro e papelão, então foi tranquilo. Do lado de fora prendi os parafusos com um tipo de porca plástica para parafuso.

IMG_7268

Xodozinho de mala, na loja da Isabela Konstantin, em Nova Lima

E não é que depois a mala ainda ganhou uma cria!? A outra malinha fiz com uma caixa de vinho antiga e uma graminha sintética. Ela ficou na loja da Isabela Konstantin – na Rua Chalmers, 9, Centro, Nova Lima/MG – e sempre estará por lá cheinha de coisinhas.

IMG_7504 IMG_7494