Dona da Cozinha

É fácil fazer bolo de cenoura

por em Dona da Cozinha

Teve uma época na vida em que eu achava que tudo era difícil ou complicado. Cuidar de uma casa, começar um projeto do zero, viajar ou fazer um simples bolo de cenoura. Nunca fui de recusar desafios e mesmo não sabendo como se fazia muitas das coisas que acabei aprendendo, fui lá e fiz (que nem cuidar de uma filha aos 15 anos de idade).

Aprendizados nem sempre precisam ser sofridos e com o tempo, acabamos percebendo que muitas coisas vistas como obstáculos na verdade foram colocadas na nossa cabeça como tais por causa de mimimi dos outros. Enquanto se fala e reclama, nada é feito para solucionar seja lá o que for. Ultimamente tenho pensado muito sobre o que é difícil e complicado de verdade, sobre ação e inércia, sobre o tempo, a calma, a pressa e principalmente, o silêncio. Esse último tem me acompanhado boa parte do dia e me feito bem.

Tenho descoberto que com as coisas da rotina não há segredo, somente esforço para fazer um pouquinho de cada vez, com disciplina e assim, no fim das contas temos algo sólido mas ao mesmo tempo intangível e que traduz nosso esforço e aprendizado. Vale pra vida em família, vale pra casa, vale pras amizades, vale pros negócios, vale pros nossos projetos, pra tudo! E o resultado é sempre proporcional ao nosso empenho.

Bom, o último dos grandes empenhos tem sido cuidar de uma rotina que envolva cuidados com a alimentação e comida caseira. Sai muita coisa saudável dessa cozinha, ok que bolo de cenoura não é a mais mais delas, mas é daquelas coisas que eu achava mega complicadas até descobrir como se faz, graças à minha amiga Izabella, que levava pra mim no trabalho o bolo mais fofinho e gostoso que eu já havia comido.

fotobolo

Obviamente que eu, cabeça de vento que só, perdi a receita que ela me passou, mas achei outra que é bem parecida e com o resultado muy saboroso, amigos.

Os ingredientes:

  • 3 cenouras médias raspadas e picadas (usei uma cenoura beeem grande)
  • 3 ovos (quebre em um recipiente separado e só depois misture aos outros ingredientes)
  • 1 xícara de óleo
  • 2 xícaras de açúcar
  • 2 xícaras de farinha de trigo
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó
  • 1 pitada de sal
  • Manteiga e farinha para untar e polvilhar a forma

Modo de preparo:

Aqueça o forno em temperatura média por 15 minutos e enquanto isso, bata os ingredientes no liquidificador, acrescentando a farinha aos poucos. Uma massa grossa vai se formar.

Unte uma assadeira com manteiga e depois polvilhe farinha de trigo. O pessoal aconselha usar uma assadeira com furo no meio, mas ainda não possuo dessas tecnologias aqui na casa nova e usai uma redonda comum mesmo. Despeje a massa na assadeira e leve ao forno por 40 minutos. Para ver se o bolo está pronto, fure com um palito de dente e se sair sem resíduos, é hora de tirar do forno.

A cobertura foi de brigadeiro usando 1 lata de leite condensado, 2 colheres de sopa de achocolatado e um pouquinho de manteiga. Deixei no ponto que levanta bem a fervura e ficou ótimo!

Quando tirar o bolo do forno, despeje a cobertura sobre ele <3 e aí é só amor!

Receita original

É tipo Mason Jar

Desde que aderi ao Pinterest como principal fonte de inspirações, sempre vejo inúmeras coisinhas lindas a serem feitas usando mason jars. Lógico que a primeira ideia que tive foi procurar saber onde se encontrava essa tal de mason jar, que são vidrinhos de conserva que no Pinterest sempre aparecem com um ar retrô e gravação em alto relevo no vidro. Eles parecem ser bem fáceis de encontrar na gringa, mas aqui no Brasil, obviamente não. Já vi de tudo com os potinhos: luminária, alfineteiro, potinho de costura, embalagem para bolo, salada e o uso mais comum é ele como copo em festas, o que deixa os drinks com um ar fofo e descontraído.

mason jars

Visto a dificuldade em encontrar esses recipientes mais trabalhados (ou com preço acessível) por aqui e a abundância de potes de palmito vazios guardados na dispensa para algum projeto, acabei decidindo eu mesma fazer meus mason jars fofinhos.

copo 1

A ideia é usar os copos para servir refrescos nesse calorzão e deixar tudo mais agradável. Com materiais simples e um tempinho (pouco mesmo), você tem um resultado lindo!

materiais

Você vai precisar de:

  • Vidros de palmito
  • Caneta Posca (você encontra em papelarias – se não encontrar, vale usar tinta acrílica e um pincel fino para desenhar)
  • Verniz Geral (preferi usar o spray por causa da uniformidade, mas se não tiver, pode ser aplicado com um rolinho de espuma)
passo 1

Remova o rótulo com água e sabão

Para mim a maneira mais fácil de remover o rótulo é com essa esponja especial de aço, ela é mais grossinha e com o rótulo molhado, ela remove inclusive a cola bem rápido. No fim ainda passei um álcool para esterilizar e sequei bem com papel toalha.

passo 2

Depois, mesmo que você não tenha muito talento (assim como eu), é só desenhar nos vidros

Escolhi rabiscos simples e mesmo assim ainda apaguei e refiz algumas vezes. Para limpar quando dá errado é só usar um papel toalha.

passo 3 1

Nhoim <3

passo 4

O passo final é usar o spray para impermeabilizar a pintura.

Com a boca do vidro virada para baixo e em cima de um jornal, passei duas camadas com o intervalo de 15 minutos entre elas. Deixei secar de um dia para o outro, até sair o cheiro do verniz e depois lavei com água e sabão. Se o cheiro ainda persistir, espere mais um dia e lave outra vez.

copos frente

Depois disso os copos estão prontinhos para usar e enfeitar

copos verso

O verso também ganhou desenho fofo

Estou apaixonada pelos meus copos novos <3 Os canudinhos lindos são da Loja Eu Faço a Festa.

*Atualização: Para a lavagem, não levar à máquina de lavar e só usar o lado mais macio da esponja com sabão neutro. Evitar líquidos quentes ou deixar na geladeira ;)

O jantar de hoje – One pot pasta

por em Dona da Cozinha
Chega cinco da tarde e logo a fome começa a bater, mas antes de fazer um lanche começo a pensar em algo bem apetitoso e fácil de ser feito para cozinhar de noite. A esperança sempre é que minha irmã, empolgada que só, ligue e diga que vai trazer comida japonesa e vinho, mas nem sempre isso acontece. Às vezes ela traz só o vinho e acabo ficando por conta de cozinhar algo.
Logo que vi essa receita, babei, lembrei que tenho cogumelos guardados na geladeira e em 15 minutos teria um jantar delicioso.
Ingredientes:
- 500g de macarrão tipo fettuccine
- 1 maço de espinafre (bem lavadinho)
- 1/2 cebola picada
- 1 bandeja de cogumelos fatiados
- Sal e pimenta do reino a gosto
- Azeite
Modo de preparo:
Coloque todos os ingredientes em uma panela grande e acrescente água conforme indicado na embalagem do macarrão. Deixe cozinhar até o macarrão ficar al dente.
Quando estiver no ponto, desligue o fogo e escorra a água. Se desejar, você pode acrescentar cream cheese ou mais um pouco de azeite e os temperos que desejar. Eu colocaria umas folhinhas de manjericão.

Cogumelos, além de serem fofos e gostosos, são ricos em vitaminas B e D, que agem como antioxidantes e anti-inflamatórios naturais para o corpo :)
Receita e fotos: Kids Activities Blog

Uma cozinha fofa e algumas das gostosuras que saíram de lá

por em amor, Dona da Cozinha
Quando minha irmã se mudou para o Reino Unido, aposto que a primeira coisa que ela pensou em relação à casa foi sobre como seria a cozinha, já que aqui no Brasil ela tinha uma cozinha enorme e toda equipada, que era sempre nosso ponto de encontro durante as noites da semana. Ali tínhamos um espaço para colocar o assunto em dia, bebericar um vinhozinho nas noites frias, testar novas receitas e gargalhar muito (de vez em quando até brigas rsrs). Antes de se mudar para Southampton, a Bebel ia de vento em popa com a Bem Bolado e passava boa parte do tempo cozinhando as gostosuras que vendia aqui no Brasil. Logo, a cozinha era sem dúvidas o lugar mais movimentado da casa.
Brownie de framboesa, pratos fofos e potinhos delicados
Chegando lá, tenho certeza que ela estranhou e muito o tamanho da cozinha. Ainda mais que ela tem no máximo 1/4 do tamanho da cozinha daqui do Brasil. O restante da casa é bem espaçoso, mas a cozinha… Não me restam dúvidas de que a Bebel, na ânsia de logo se sentir confortável e em casa, tratou de equipar a cozinha da maneira que foi possível e enchê-la de mimos e gracinhas. E de gostosuras diárias também.
Bebel e o Quiche de alho poró – nosso segundo dia em Southampton
Na Inglaterra, de um modo geral, os utensílios de cozinha e enfeites são bem baratos. Dá para encontrar coisa de qualidade em supermercados e lojinhas de esquina a um preço bem acessível.

Os móveis e muitos utensílios são da Ikea
E o melhor de tudo é que lá tem Ikea. Pra quem ainda não conhece, é uma loja Sueca tipo uma Tok Stok, mas pelo menos no exterior os preços são bem em conta e as coisas lindas! Ouvi boatos de que a Ikea vem para o Brasil, mas acho que aqui é quase impossível praticar os mesmos preços, né?

Potes e latas fofos 
A etiqueta vintage no vidrinho. Ideia super legal e que dá pra fazer em casa, hein?
Essa aí embaixo é a janela da cozinha da Bebel depois que eu passei por lá. Claro que deixei minha marca em vários lugares :P E a janela da cozinha ganhou bandeirinhas de tecido da Toda Coisinha <3
E as gostosuras… Cada dia era uma coisa mais gostosa que a outra, progressivamente.
O brownie
Camafeu de nozes <3
<3 
E no aniversário do noivinho teve bolo de chocolate!
Saímos de Southampton no dia 03 de julho e fomos para Londres, onde passaríamos uma semana até virmos embora. Mas a saudade e a vontade voltar foi tanta que no dia 09 pegamos um trem e fomos pra Southampton outra vez. E foi mais gostosura garantida, num dia super agradável com as pessoinhas que mais amo nesse mundo.
Risoto de cogumelos
E a torta de frutas vermelhas 
Linda e deliciosa 
Florzinha do Tonton pra pra vocês
Se tem algo que aprendi na cozinha da Bebel é que a gente sempre pode ser feliz com menos do que a gente tem. Se o espaço é pequeno, tem amor grande. Pode saber.
Dessa viagem trouxe algumas das lembranças mais felizes da minha vida, dos dias mais carinhosos e tranquilos ao lado de pessoas que amo. Muitas lembranças dessa cozinha e de todas as gostosuras cheias de afeto que saíram de lá.
E sempre que lembrar dessa viagem, lembrarei da seguinte frase: “O amor que você espalha é a paz que te revigora por dentro”. Obrigada, Bel e Dato, por nos receberem tão bem e por nos deixarem cuidar dessa preciosidades durante esses dias. <3