DIY

Aqui até copo tem história

Copo pra flor não tem segredo, é só pegar o copo, encher de água e colocar algumas flores ali dentro, certo? Bom, eu diria que está certo sim, desde que seja um copo bem bonitinho e charmoso, e de preferência com um toque especial feito por você.
Há uns dois anos atrás, recebi de presente do namorado um copo grande que era para ser usado como vaso de umas tulipas que ele me enviou pelos Correios. Não precisa falar mais nada sobre a preciosidade desse moço, né? O copo veio com esse revestimento de folha e enfeitou o quarto com as tulipas por alguns dias, pois tulipas mesmo sendo lindas, duram pouco :(

Depois disso, o copo serviu como porta treco e até mesmo como um vaso para flores artificiais, que ficavam enfeitando o home office. Mas aí, um belo dia, essas flores que ficavam no copo, viraram um arranjo de cabelo e o copo ficou lá, sem graça que só.

Olha o copo ali com as flores que viraram esse arranjo aqui
Na verdade, o copo já era um vaso, mas um vaso meio sem graça e sem jeito de vaso. Não precisei de nada muito elaborado, mas um pouquinho a mais de carinho e delicadeza nessas horas pode fazer uma diferença fofa.

Precisei de um pincel macio, um pouco de verniz vitral fosco e um removedor (para limpar o pincel depois).
Fiz bolinhas e uma bordinha no copo, tudo bem discreto e quase não dá pra ver assim. Mas quando coloca água dentro realça bem e fica uma delicadeza só!

Tem copo sobrando aí? Então já sabe! Verniz vitral fosco nele e muitas flores para enfeitar a casa e a vida ;)

O verniz vitral não é indicado para copos de uso diário, pois não é resistente a lavagens consecutivas.

<3 

Presente para o Dia das Mães – Colar feito por você

por em DIY, Faça Você Mesmo
Se fosse para eu dar dicas de onde comprar presentes para o Dia das Mães, acho que eu seria redundante e diria para vocês comprarem na minha lojinha, porque tá cheinho de coisa linda por lá. Mas como já está em cima da hora para a maior parte do Brasil, não vai dar tempo do presente chegar. Aí fica sem graça, né? Dia das Mães sem aquele presentinho especial, feito por nós mesmos ou feito por alguém que sabe fazer as coisas com muito amor e carinho não é a mesma coisa.
E ó, nada de trabalhinho escolar! Hoje a gente vai aprender a fazer um colar muito dos lindos e que se eu não ensinasse a fazer aqui, seria um sério pretendente a integrar o grupo dos colares da loja mais fofa da internet <3 Eu tenho certeza que sua mãe vai adorar, porque ele é simples, singelo e cheio de amor. E se ela não usar, você vai lá e pega pra você (que nem eu faço aqui em casa), aí depois de ver como o colar que você deu a ela é lindo, com certeza ela vai querer usar (história da minha vida).
Para fazer o colar, você vai precisar de 5 minutos e menos de 5 reais. Habilidade quase nenhuma, pois é bem fácil, quer ver?
Pegue os seguintes materiais:
  • Arame fininho (3cm aproximadamente)
  • Um colar (pode ser um que você já tenha ou comprado em lojas de bijuteria)
  • Duas argolinhas para bijuteria
  • Alicates (esse redondinho é para fazer a volta e o outro pra corte e pressão)

Comece pelo arame. Você vai usar o alicate com a ponta arredondada para fazer um semi círculo em cada extremidade.

Feito o semi círculo, com o alicate de pressão você vai marcar o meio do arame dobrar conforme mostra a imagem abaixo:

Aí já brota um coração. Para dar forma direitinho, pressione com os dedos (sem fazer muita força) e depois acerte a parte do meio com o alicate de pressão.

Como o colar que eu tinha era bem comprido, ainda tirei uma parte dele e ainda ficou aproximadamente 20cm de corrente em cada lado.

Depois você abre as argolinhas com cuidado para não deformar. É bom usar dois alicates ;)

Passe a argolinha por dentro da corrente e do pingente que você fez. Repita do outro lado e tá pronto! Moleza, né?
E você ainda pode aproveitar mais um passo a passo do blog e fazer uma embalagem linda gastando praticamente nada! Quer ver? Olha só aqui!
Não deixa de mostrar pra gente o seu :D

Inspiração 

Como fazer: Sachês perfumados para o guarda roupas

por em DIY, Faça Você Mesmo, publicidade, publipost
Dia desses, uma leitora me escreveu pedindo dicas para organizar o guarda roupas. A minha resposta foi tipo: “eeeerrrr… tem certeza?”. Pois é, já contei algumas vezes que não sou das pessoas mais organizadas da face da terra e muitas vezes isso acaba se refletindo no meu guarda roupas, ainda mais porque ele fica lá, fechadinho e ninguém vê. Bom, acho que a gente tem sempre que tentar melhorar quando o quesito é organização (isso se você não tiver um T.O.C.) e muitas vezes colocar um frufru a mais nas coisas nos estimula a mudar.
Com o guarda roupas, esse frufru a mais começou com os cabides. Antes eram todos bem velhos, um de cada formato e cor. Um belo dia resolvi colocá-los todos iguais ou mais parecidos e claro que não dispensei os antigos, organizei-os em novos lugares e também demos outras utilidades a eles aqui em casa. Sabe que até ensaiei organizar os vestidos e casacos por cor, mas acho que não ficou tão bom quanto esperava. Continuo treinando.
Além disso, colocar um cheirinho gostoso nas roupas pode ajudar bastante a querer se organizar ou pelo menos vai acabar deixando sua bagunça mais cheirosa.
Para fazer os sachês, você precisa de:

- Tecidos de algodão (podem ser retalhos)
- Molde de coração/ quadrado/retângulo (fiz num papel mais durinho, 
- Enchimento acrílico
- Tesoura
- Cola para tecido
- Fitas
- Essência para dar o cheirinho gostoso (a que usei é de Flor de Pitanga)
- Caneta 
- Agulha, linha e máquina de costura (opcional e caso tenha intimidade com costuras)
O primeiro passo é riscar os moldes no tecido. Dois de cada para depois fechar e fazer a almofadinha.
Recorte o tecido conforme o desenho, deixando uma bordinha a mais.
E aí é hora de fazer alguns frufrus. Usei uma fita branca e passei pelo quadrado e a alça do sachê também é colocada neste momento. A cola une todas as pontinhas da alça e a fixa no sachê. O segredo é colocar a alça como se fosse ficar para dentro, pois como na costura, a gente junta as partes pelo lado avesso para depois “esconder” o acabamento.
Antes de passar a cola por toda a borda, dobrei a alça de fita para ela não atrapalhar na hora de colar o restante. Daí é só passar a cola pela borda, deixando um espaço de mais ou menos 4cm para virar o sachê do lado certo e colocar o enchimento. Passou a cola, colou a outra parte, lembrando sempre que o lado avesso do tecido é o que fica para fora nesta etapa!
Enquanto a cola seca, hora de pingar a essência no enchimento. Usei uma média de 2 gotas por sachê e ficou bem cheirosinho.
Depois que a cola secou, foi hora de virar o tecido, aí que as partes certas ficam para fora e a alcinha que estava dentro, aparece. O enchimento foi colocado e a dobra para a colagem final marcada.
Por fim, foi só passar cola no meio da dobra, pressionar por 1 minutinho e pronto!
Para quem quiser ousar um pouquinho mais, dá para fazer em formato de coração com pompons (usando grelô). 
Aí é que nem lá em cima, colocar as coisinhas todas (leia-se grelô e alça de fita) para dentro e o tecido com o lado contrário para fora. Usando linha e agulha, alinhavei a borda deixando uma pequena abertura para depois virar tudo para o lado certo.

Antes de virar, passei na máquina de costura bem rapidinho, com ponto reto e não esquecendo da abertura para virar.
Depois é virar o coração para o lado certo, colocar o enchimento e finalizar na máquina de costura, fechando tudo direitinho.
Ah, e o último passo e mais importante: colocar no guarda roupas e ficar com as roupas com cheirinho de flor de pitanga <3

Post oferecido pela Marabraz, a mais nova parceira do Dona das Coisinhas :)