Coisinhas DeCoração

Cariño para todos os dias ❤

“Os jardins mais bonitos florescem da bravura e da vontade de ser/florescer. E essa beleza não tem nada de frágil”

Meu trabalho do último mês inteirinho foi preparar uma nova coleção para a Toda Coisinha e para isso tinha muitos planos em mente, só não imaginava que quando fosse materializá-los esses planos acabariam se multiplicando. Mas isso não foi ruim e o desdobramento dessa história tá fácil de conferir na lojinha :)

CARINO

Às vezes fico pensando em como tudo acontece quando “encafifo” com algo, quando me apaixono por uma coisinha e resolvo materializar essa paixão. Fui intensa (e ainda sou, não se engane) com os cogumelos e quando deu vontade de mergulhar no universo das suculentas, mergulhei fundo também. E assim me reinvento, reinvento a Toda Coisinha e encho a vida da gente de objetos feitos com muito cariño. Colocar essa meta para mim e compartilhar com vocês é maravilhoso, pois assim a resistência (aquela preguicinha, aquela mania de encontrar desculpas pra não fazer) é quebrada de vez!

O post de hoje é pra mostrar um pouquinho da nova coleção da Toda Coisinha, Cariño. Não há como negar que essa coleção traz muita coisa especial e é um marco por vários motivos, vou contar aqui pra vocês alguns deles:

❤ Na Coleção Cariño, praticamente todos os itens são confeccionados a mão, portanto são únicos e por mais parecidos que sejam, sempre têm algo especial que é só deles. Tá vendo esses colares? Então, eu mesma cuidei de modelar cada cacto, cada frufru deles. Depois pintei os cactos, as flores, o fundo dos pingentes escolhidos a dedo e ta aí o resultado de mais de um mês de dedicação a fazer essa nova coleção tomar forma. Um processo longo, delicado, mas extremamente gratificante :)

colares fundo pintado

❤ As suculentas, além de serem incríveis, têm aqui um significado todo especial que é muito bem representado pela frase da Lara Dias: “Os jardins mais bonitos florescem da bravura e da vontade de ser/florescer. E essa beleza não tem nada de frágil”. É de se encantar, não é? O nome não poderia ser mais especial, pois Cariño é que nem amor e o clima latino, meio sertão encantado, meio México estará presente aqui sim! Sempre!

Captura de Tela 2015-10-20 às 22.45.39Por falar nisso, tem promoção rolando no Instagram e você pode ganhar um colarzinho feito especialmente para você! Link para regras da promoção! É fácil, fácil!

❤ Cariño trará muita gente querida para Toda Coisinha, com mini coleções inéditas, cheias de amor e parcerági!  Vai ter Ju Amora, Lara Dias, Andreia Loyola (já tem quadrinho dela por lá), Bruna Vettori (Rotina & Rabisco) e a parceira de longa data, Amanda Mol. Mucho cariño envolvido!

carino decor

E tem muita decoração linda para su casita também! <3

❤ Além disso tudo, poderei praticar livremente meu portuñol com vocês! Desde já, obrigracias a todos!

É muito amor e uma loja praticamente novinha em folha :)

P.s.1: A Toda Coisinha completa 2 anos em novembro e já tem comemoração! Todas as comprinhas irão acompanhadas de um brinde surpresa, que é lindo e útil!

P.s.2: Lembrando que o frete é grátis para compras acima de R$250 e ainda tem 5% de desconto para pagamentos por depósito bancário <3 Essa é uma promoção permanente da Toda Coisinha! Tá bom ou quer mais?

Puxa o banquinho de concreto e senta que lá vem história!

O post de hoje é pra reafirmar o quanto gosto desse cantinho e me sinto em casa aqui, como em nenhuma outra rede social. Essa semana vi um entrevista em um programa de TV (que eu não tenho ideia qual era, nem em qual canal, pois a tv estava ligada por acidente) de um cara falando que os blogs são como as ruas da internet e as redes sociais, os condomínios. E isso me traz a lembrança de que sempre fui da rua, de casa, de correr solta e aqui é onde faço isso na minha vida virtual, que é vasta! Falar do meu dia a dia, das minhas coisinhas e das coisas que me cercam é o que traz minha personalidade pra cá e de certa forma, alivia também o peso nos ombros (que aqui escorre pelos dedos e vira pirlimpimpim).

banquinho de concreto pronto

Olha o banquinho aí!

Semana passada foi uma semana daquelas em que tudo poderia acontecer e de repente via vida que andava meio empurrada com a barriga cobrando uma atitude urgente e que só depende de mim. Gente, quem nunca? Quem nunca adiou os planos, quem nunca deixou pra amanhã, quem nunca esqueceu, que nunca procrastinou? O único problema de tudo isso é que como qualquer coisa na vida, o excesso faz mal. E foi assim que eu me vi, como digo hoje, 20 dias atrasada no ano. Isso deixa

Fui deixando que as atividades rotineiras tomassem conta dos dias e todos aqueles planos no papel (uma checklist com mais ou menos 30 itens) sempre encontravam uma desculpa para não serem riscados. Algo que eu sempre me gabei de fazer bem foi esse malabarismo entre conseguir encaixar trabalho, rotina da casa, rotina da filha, a minha rotina e as novas ideias no tempo que cabe em uma semana. Mas desde que voltei das férias do casamento, pequei muito em relação a isso, mas já me perdoei, ok? Para se ter ideia, tinha um projeto que desde maio estava na lista dos afazeres e eu já tinha todo o material em mãos. Mas sempre tinha um telefonema, um email, um medo ou algo mais importante a fazer.

varandinha suculentaEsse projeto é o famoso banquinho de concreto do blog Homemade Modern e comecei a fazê-lo na semana passada, depois de estragar a minha geladeira usando uma faca e um martelo para quebrar o gelo e depois de quase cancelar uma viagem que vinha sendo planejada desde o início do ano. E tudo isso foi culpa daquele “deixa pra depois”.

Tudo começou com a geladeira da época das cavernas que ficou com a porta aberta sem querer e formou uma camada de gelo bizarra. Eu. com preguiça de esperar o degelo, fui lá com a faca pontuda e o martelo e quebrei não só o gelo, mas a geladeira. Furei o canal do gás que faz o resfriamento e o conserto ficaria quase no preço de uma nova (sem contar que eu já não tinha uma relação muito boa com ela). O que eu pude fazer foi lamentar um pouco, pois a gente continua apertado nas contas desde o casamento e me consolar comprando uma geladeira nova, em suaves prestações, maior e o mais importante: frost free (dessas que não forma gelo no congelador). A geladeira já chegou e depois de um perrengue que eu até curti, pois não tive que cozinhar todos os dias, tudo já está de volta ao normal.

Nesse mesmo dia que a geladeira quebrou, eu e o Tiago nos demos conta que iríamos em breve para Belém do Pará ver o Círio de Nazaré, que eu apesar de não ser religiosa, tenho muita vontade de conhecer. E claro, tenho também MUITA vontade de conhecer Belém, a cultura e a culinária paraenses. Só que nas vésperas da festa, nos esquecemos de reservar o hotel e adivinha: tudo muito caro ou tudo muito longe ou mal avaliado. Foi uma sofrência momentânea, mas que também já passou depois de incansáveis horas de pesquisa e muitos emails!

Com tudo isso acontecendo e eu vendo meu trabalho paralisado, resolvi colocar a mão na massa e executar projetos e planos que eu tinha há meses. Aprendi isso com a Rafa Cappai, de que quando você não consegue se concentrar num problema e resolvê-lo ou cumprir as tarefas que tem, pule para o próximo ou vá fazer algo que lhe dê prazer, como cuidar da casa, fazer um projetinho DIY. Depois vejam mais sobre procrastinação estruturada. E aí o banquinho finalmente nasceu! Com um medo danado de que não desse certo, que os pés ficassem desalinhados e bambos. E ele veio perfeitinho, firme e já está enfeitando a varanda!

materiais

Balde grande, pés palito, bastão, luvas, máscara, vaselina, papel, água e cimento

cimentoPara fazer o banquinho, usei mistura para cimento, daquelas que só acrescenta a água. Coloquei no balde de roupa suja (esses de silicone que a gente acha em lojas de departamento) a quantidade que eu achava que ficaria legal para a altura do banquinho e misturei a água. Antes de colocar a mistura, passei um pouco de vaselina com um papel para que soltasse mais fácil. A mistura ficou um pouco mole, daí coloquei mais um pouquinho de cimento, mas é sempre bom ler as instruções do fabricante. Cada um é de um jeito e os preços também variam muito.

cimento 2Usei um pedaço de madeira para misturar, mas como estava de luvas de limpeza para proteger as mãos (cimento resseca pra caramba) e com uma máscara de proteção para não inalar o pó, acabei colocando a mão na massa mesmo. Foi bem mais fácil!

pezinhosCom a massa consistente e sem pelotas, coloquei os pés palitos que ganhei de presente da Ana há um tempão, mas você pode usar 3 bastões de madeira com tamanhos iguais. Deixei os três bem alinhadinhos e confesso que essa foi a parte mais difícil. Depois foi só contar com a sorte e deixar secar por 24 horas. E não é que no fim das contas tudo deu certo?

cimento seco tirando cimento da forma

IMG_7001

De lá pra cá minha semana tem sido muito mais focada e produtiva. Às vezes a vida precisa dar um empurrão pras coisas andarem ;) E a nós só cabe colocar a mão na massa e manter a calma para fazer o que tem que ser feito.

Onde comprar cactos e suculentas

por em amor, Coisinhas DeCoração, compras, decoração

Nesse último mês o espírito da loka dos cactos e suculentas baixou em mim. Claro que isso tem uma explicação que vai além da paixão que sinto por essas plantinhas. É que a nova coleção da Toda Coisinha será temática e trará muitos cactos e muitas suculentas para enfeitar você e seu lar <3

mini cactos e suculentas carino

Uma mini amostra do que vem por aí <3

A desculpa que usei estrategicamente para aumentar a minha coleção de plantas foi que eu precisava compor os cenários das fotos da nova coleção, o que não deixa de ser verdade. Mas eu também precisava deixar a minha varanda com mais vida, com a minha cara. Uni o útil ao agradável e comecei a pesquisar.

Como já tinha o hábito de esporadicamente comprar plantas, já tinha uma ideia de onde procuraria. Quando morava em Nova Lima, tinha que ir até BH para comprar, mas aqui no Rio só preciso ir ali na esquina ou se quiser, nem preciso sai de casa. E isso vale pra você também!

cactos  suculentas

Singelo, mas já cheio de frufru

Então quer saber onde encontrar cactos e suculentas? Vamos lá!

Acredito que essas primeiras dicas valem mais para as grandes cidades, onde se encontram filiais dessas das lojas.

Carrefour: É o meu local preferido para comprar plantas. Aqui no Rio de Janeiro vou sempre ao Carrefour da Barra, pois os preços são ótimos e a variedade também. Meus cactos são quase todos de lá, inclusive os grandes que não encontro com preço razoável em quase nenhum outro lugar e às vezes compro flores por lá também. Às terças e quintas chegam novos carregamentos de plantas fresquinhas.

Suculentas maiores que são facilmente encontradas no Carrefour

cactos e suculentas 1 cactos e suculentas 2Supermercados Extra ou Pão de Açúcar: As sessões de plantas nesses mercados costumam ser menores e terem menos variedade, as suculentas e cactos que encontro por lá também são menores, mas o preço na maioria das vezes varia entre R$2,50 (mini suculenta) e R$6,00 (plantinha maior). Adoro comprar maços de flores em promoção no Pão de Açúcar, foi lá que me apaixonei pelas astromélias.

vasinho pompom

As plantinhas menores são do Pão de Açúcar e outras eu já tinha há anos. O vasinho de pompom é obra minha <3

ONLINE

Essa para mim é novidade e das boas! Mas foi dica de uma cliente da Toda Coisinha que já experimentou o serviço e aprovou. Cheguei a orçar algumas plantas site, mas por motivos de tive que comprar uma geladeira nova porque estraguei a minha usando uma faca pontiaguda e um martelo para quebrar o gelo, não pude finalizar o pedido. De toda forma, o pessoal da loja responde super rápido e é super atencioso. A loja é a Cactos Brasil (http://cactosbrasil.com.br/) e eu fiquei realmente impressionada com a variedade das plantas! O site ainda oferece muita informação sobre como cuidar das plantinhas e os preços de algumas são mais altos do que as que encontro no mercado, porém tem outras que sequer encontro por aí e também algumas com o preço mais baixo. Então fica a dica: se na sua cidade você não encontra cactos e suculentas ou só encontra aqueles enxertados com florzinhas artificiais fincadas, você pode comprar online por um preço justo e ainda dar uma de entendedor com tanto nome científico.

Sobre tirar muda de cactos:

O casal cacto e o vaso vermelho são do Carrefour. Já o Nacho foi uma muda que tiramos de uma planta maior.

O casal cacto e o vaso vermelho são do Carrefour. Já o Nacho foi uma muda que tiramos de uma planta maior.

Quando conheci a praia de Grumari aqui no Rio, fiquei apaixonada pela tanto de cactos que tem no meio da vegetação e confesso que fiquei doida para tirar uma mudinha. Mas a praia é uma reserva florestal, ou seja, nada pode ser subtraído de lá, nem uma plantinha. Quando fomos a Friburgo passar o fim de semana na casa de amigos, tinha um mandacaru enorme no terreno ao lado. Trouxemos um “bracinho” dele (e muitos arranhões) e plantamos na varanda de casa e ele está crescendo rápido, lindo e forte! A raiz pega super rápido mesmo!

Espero que gostem e se animem a cultivar suas plantinhas com amor <3

Minha vitrine no brandZapp e como acumular pontos que viram recompensas

Como uma boa viciada em internet consumidora virtual que sempre opta pela facilidade de comprar sem sair de casa e ainda esperar a surpresinha gostosa que é receber os produtos pelos Correios, tenho adorado conhecer iniciativas que unem o útil ao agradável quando o assunto é compra descomplicada e ainda com recompensas pela internet.

Hoje acordei com minha cara estampada em um dos aplicativos que mais tenho gostado de usar nas últimas semanas e adorei <3 Bom, logo adiante explico por que.

brandzapp zizi

Há algumas semanas atrás, recebi um convite para conhecer o brandZapp, um aplicativo criado por uma startup brasileira e que funciona como uma vitrine mobile que conecta marcas, produtos e pessoas interessadas nesses produtos.

Na vitrine do brandZapp são publicadas diariamente coleções especiais que mostram as melhores tendências daquilo que a gente adora por aqui: decoração, culinária, moda, beleza, música, enfim, uma variedade enorme e muito bem selecionada de produtos e lojas.

Ah! E a melhor parte: além de babar nos produtos selecionados, a compra deles pode ser feita diretamente no aplicativo, que ainda oferece um monte de recompensas (os queridos Bz’s) tanto para quem compra, quanto para quem navega e interage pelo aplicativo.

brandzappQuando você compra algo através do aplicativo, acumula pontos de acordo com o valor do produto. Ou seja, quanto mais você der preferência ao brandZapp, mais recompensas terá e posteriormente essas recompensas em Bz’s podem ser trocadas nos parceiros do aplicativo que vão desde cinemas, operadoras de telefonia, até hóteis e lojas que oferecem vales presente. Sem contar que existe também a possibilidade de ganhar pontos gratuitos acessando as coleções da vitrine, respondendo perguntas e também usando códigos promocionais.

telefoneE aí que eu fui convidada a fazer uma seleção especial para o aplicativo com os produto que têm feito meus olhinhos brilharem ultimamente. Desde que me mudei para o Rio, minha maior vontade é conseguir finalmente montar com dignidade meu escritório dentro de casa. Por isso minha seleção do Home Office dos Sonhos está lá na capa do brandZapp hoje e quando você acessá-la, faz o favor de pegar os pontinhos que ficam lá no final da página e ainda usar o código promocional “Zilah” (acessando o seu perfil e clicando na engrenagem que aparece lá no alto) para ganhar mais 100Bz’s extra! Então corre para baixar o app e se divertir com todas as coisinhas por lá!

Para baixar:

Android

IOS